Bandas

O salão de cervejas especiais precisa vir acompanhado de uma boa música. O palco do Mondial de la Bière nesta próxima edição terá grandes novidades. Além de trabalharmos diferentes gêneros e estilos durante todo o dia de festival, estaremos promovendo nomes consolidados e novas bandas com foco na difusão da arte e a divulgação dos artistas. Serão mais de 20 bandas sonorizando os 05 dias de Mondial de la Bière com músicas para todos os gostos! Confira abaixo a programação do palco 2016 ou clique aqui para ver a grade completa.
 

 
Quarta-feira • 12 de outubro de 2016
PAPAGAIO SABIDO - 15h30

Criado em 2013 o Papagaio Sabido reúne as tribos de todo o cancioneiro nacional e festeja a música brasileira levando o samba, chorinho e MPB ao público de forma única e irreverente.
Formado por Alan de Deus, Diego Moreira, Guilherme Pimenta, Pedro Santos e Thiago Gama, o Papagaio Sabido projeta sua identidade na criação autoral enquanto reproduz grandes autores da cena popular reinventando o formato das rodas de samba. A mescla de cavaquinho, bandolim, violino e vocais refinadíssimos, reproduz sonoridade ímpar, conquistando público de todas as tribos.
Com arranjos próprios o Papagaio Sabido está nos grandes espaços do Rio de Janeiro de Lapa, Santa Teresa à Vila Isabel, pisando nos solos consagrados pela música carioca. Em 2015, gravou seu primeiro EP Curupaco e se prepara para o lançamento do seu primeiro CD em 2016.
 

 
ZEN SERRANO - 17H

O artista carioca Zen Serrano também está confirmado no Mondial. Uma das principais vozes da nova geração do sambarock carioca, Zen Serrano promete trazer muita animação e boa música ao palco do Mondial. No repertório estão grandes clássicos de Jorge Ben, Tim Maia, Seu Jorge, Bebeto, Gil, versões de bandas como O Rappa e Nação Zumbi, e autorais. O show de Zen Serrano e SambaGroove Orquestra, ocorre às 17 horas do dia 12 de outubro. #AperteOPlay

 
THE KOLECTOR - 18H30

The Kolectors é uma banda recentemente formada nas rodas de blues que acontecem toda quinta feira no bar Kult Kolector, reduto solitário do rock da Barra da Tijuca. O uruguaio Miguel Bestard, os cariocas Daniel Lopes e Renato Negroyde, e o argentino Patricio Palala se conheceram no palco, e foram naturalmente construindo uma afinidade crescente a cada semana de jam session. Um público carente de rock e blues que nem se sabia que existia no bairro, de diversas idades, atualmente se aglutina na calçada em frente ao bar, dançando e cantando de clássicos do blues aos rocks de Stones e Zeppelin. O sucesso da roda de bules do Kult Kolector vem se espalhando pela cidade, formando outros redutos do gênero. A "The Kolectors", cria original desse sucesso, é agora uma banda consolidada, já produzindo seu próprio material, e tocando em festas e eventos. A banda começará em breve uma residência aos domingos em Botafogo, alem das tradicionais quintas no Kult.

 
U2 COVER RIO - 20H

O U2 COVER RIO é uma banda que desde 1998 zela pela qualidade na divulgação da banda irlandesa U2.

Marcado pela caracterização visual e fidelidade sonora, o U2 Cover Rio proporciona um espetáculo de emoção e sensibilidade com o rock ora gritante, ora experimental, de seus ídolos irlandeses.

Desde então, vem fazendo shows em várias das principais casas noturnas, lonas e espaços culturais, teatros municipais, clubes, shoppings e universidades da cidade do Rio de Janeiro, Grande Rio e Niterói, Baixada Fluminense, Região Serrana, Região dos Lagos, Norte e Sul Fluminense, Sul de Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Espírito Santo e São Paulo.

Tendo já participado de alguns programas da TV aberta e fechada (TV Record, GNT, etc.), é a única banda reconhecida pela gravadora do U2 no Brasil, a Universal Music, que os convida desde 2004 a fazer shows de divulgação de todo material lançado pelo U2 no Brasil (Cds, DVDs, ...).

O U2 Cover Rio quer proporcionar um breve momento de revival, relembrando os grandes sucessos do U2 e apresentando suas novas criações. Cantar e dançar ao som do U2 Cover Rio é mais do que curtir um bom show; é a certeza de embarcar num mundo repleto da mais pura emoção.

 
TAILTEN - 21H30

Um show movido a jigs, reels e irish drinking songs é a promessa da Banda Tailten. Então agarre logo sua caneca de cerveja, porque a animação desse Clã Medieval vai agitar os passos no Mondial de La Biere. Você vai dançar e sentir a empolgação das antigas tabernas irlandesas!







 
Quinta-feira • 13 de outubro de 2016
O NOVÍSSIMOS - 17H

Foi em 2008 que essa galera começou a se reunir pra levar um som. Todos muito jovens, já tocavam de tudo, sempre tentando desvendar os mistérios das músicas que mais gostavam.

Mas eles queriam coisa nova! Então correram atrás e acabaram se apaixonando por compor. Cada um com suas influências e gostos, viram que dava pra conjugar as diferenças musicais que existiam entre os sete de um jeito muito afinado, criando uma música que não se encaixava estritamente em nenhum gênero. Era tipo um samba-jazz funkeado, cheio de groove, com uma pegada latina e com aquele suingue da música nordestina.
Passaram-se seis anos, as composições amadureceram e o estoque de músicas autorais só aumentou. O público também!

Fizeram shows nos mais diversos redutos musicais do Rio de Janeiro, como Circo Voador, Fundição Progresso, Oi Futuro, Teatro Solar de Botafogo, além de participarem de duas edições do festival Back2Black. Já tiveram as participações especiais de Edu Krieger, Zé Renato, Júlia Vargas, Marcelo Caldi, Natasha Llerena, Edu Neves e já abriram show para o Hamilton de Holanda, Casuarina e até para o Milton Nascimento!
Agora estão na pós produção do primeiro disco, que saiu do papel e dos palcos graças a um crowdfunding no qual contaram com mais de duzentos colaboradores.

 
 
CARLITOS - 18H30

Formada por 5 amigos amantes do rock n' roll, a Carlitos tem influência principalmente de bandas renomadas dos anos 80 a 2000.

No repertório estão grandes artistas como Red Hot Chili Peppers, The Strokes, Charlie Brown Jr, Barão Vermelho, entre muitos outras bandas de sucesso internacional.

Carlitos já passou pelos bares e casas de festas mais frequentados da cena carioca: La Esquina, Salloon 74, Cabaret Kalesa, Sinuca de Bico. A banda também se apresenta em eventos particulares e corporativos.

 
 
PUNCHING NAMARD - 21H30

Fundada por Thiago Xavier (violino e tinwhistle) e Alexandre Manjuba (voz), a banda Punching Namard surgiu em meados de 2012 com a ideia de misturar o peso e a sujeira do punk tradicional com os fraseados melódicos e os diversos instrumentos da música folk irlandesa e celta, tendo como influência bandas como Flogging Molly, Fiddler’s Green e The Real McKenzies.

A banda passou pelos palcos de algumas casas como Lapa Irish Pub, Heavy Duty, Rio Rock & Blues, Castle of Vibe, Vila St. Gallen, entre outros. Recentemente lançou seu primeiro EP homônimo como mídia digital, que contém cinco de suas músicas autorais e pode ser ouvido gratuitamente no seu canal oficial no youtube, Rdio, Deezer ou spotify.

 
 
Sexta-feira • 14 de outubro de 2016
BEACH COMBERS - 16H30

Reverberação máxima! A surf music elevada à enésima potência.

Formado no inicio de 2009, no Rio de Janeiro, os Beach Combers não são exatamente um tipo comum de trio. Bernar Gomma (guitarra), Paulo Madeira (baixo) e Lucas Leão (bateria) surfam sem medo na onda instrumental, mesclando o som das guitarras magnéticas da surf music à trip lisérgica de garagem dos anos 60. Tudo isso sem parecer ou soar como uma banda de releitura. Eles imprimem sua própria pegada e identidade única, estética e sonora, destacando-se assim nacionalmente na criação de novos temas.

Novas composições já estão sendo apresentadas ao vivo, e também virtualmente em formato de clipes e videos de shows. Tudo isso produzido pelo próprio conjunto.

Os Beach Combers estão definitivamente aptos a surfar em ondas internacionais e se consolidar como uma das mais bem conceituadas bandas instrumentais cariocas de todos os tempos.

 
JACKSTONE - 18H

IT’S ONLY ROCK AND ROLL !!!

A carioca Jackstone é um tributo à maior banda de rock de todos os tempos, os Rolling Stones.

Formada em janeiro de 2015, seus integrantes têm influências diversas – rock, pop, jazz, blues. Essa mistura confere à banda um som rico em arranjos e pressão, sempre respeitando a sonoridade rock/blues dos ingleses Jagger, Richards, Wood e Watts.

Fred Figueiredo (vocal), Cláudio Sangito e Léo DMS (guitarras), Rodrigo Rebello (baixo) e Marco Karam (bateria) prometem um show bem animado, repleto dos maiores clássicos dos Stones, pra levantar a galera roqueira/cervejeira do Mondial de La Bière - Rio.

 
SEU ROQUE - 19H30
 

Por onde anda o Rock BR? Esta pergunta que insiste em surgir em todas as rodas de música já tem resposta. Oficialmente criada em 2009 a banda Seu Roque tem como missão preencher esta lacuna mostrando que aquele rock com belas letras em português e com a pegada crua das bandas de rock setentistas está vivo e mais forte do nunca.
Composta por Flávio D´Anunciação (baixo e voz), Neube Brigagão (guitarra e voz) e Diego Denucci (bateria), a banda Seu Roque quer fazer o público dançar, pensar e se apaixonar.

Lançada no cenário carioca no ano de 2009, a banda já lançou dois discos independentes e pode ser encontrada ao vivo mostrando este trabalho que com certeza vai tirar você da cadeira e fazê-lo ver que o rock não morreu, ele apenas mudou de nome: Seu Roque! .  

ASTRO VENGA - 21H

Astro Venga é mais que uma banda, é uma banda móvel-sustentável, um projeto vivo de instalação em meio ao caos urbano da cidade do Rio de Janeiro. Formado por Christian Dias (guitarra), Antonio Paoli (baixo) e Tutuka (bateria), apresenta uma sonoridade inédita, digna do nome power trio, que vai do funk garagem ao punk progressivo, reunindo temas nacionais e internacionais, em versões autênticas e performances viscerais.

Lançado em 2014, "Explodiram a Perimetral", primeiro disco da banda, ainda com a formação antiga, reúne musicas escolhidas a pente fino pela formação original do projeto e segue sendo divulgado pela formação atual do trio, atingindo mais de 2.500 copias vendidas; algo marcante para uma banda totalmente independente em plena era digital.

Desde fevereiro de 2015, Tuka, Chris e Paoli vêm quebrando a rotina de transeuntes de diversas cidades com performances nas ruas, além de uma trajetória concisa que conta com mais de 42 apresentações em palcos de festas e casas noturnas como a Festa Junkie Session, Festa Roque, Teatro Odisséia, Circo Voador, participando também de festivais como o renomado Rock in Rio (palco externo), SIM São Paulo, Aldeia Rock Festival e Festival Eletrorgânico, alcançando a ousada marca de 165 apresentações no ano. Vale frisar também a participação no RedBull Sounderground, evento que reuniu artistas de rua do mundo inteiro, bem como a participação na série de TV "Sons Urbanos", em exibição no Canal Bis.

A presença maciça nas redes sociais é reflexo da aceitação do público. Com mais de 10.000 seguidores em sua pagina no Facebook, mais de mil seguidores no instagram, quase 300 inscritos com mais de 20.000 views no YouTube e atingindo mais de 170.000 visualizações em um de seus vídeos feitos por um fã, chegou a hora de expandir fronteiras, levando essa energia às ruas e noites de outras cidades do país e do mundo, em paralelo ao o lançamento de dois albuns inéditos em 2016, cada vez mais privilegiando seu material autoral.

Cada vez mais vorazes, cada vez mais envolventes: o que faz o Astro Venga pulsar mais forte é o contato direto com o espectador, no palco ou na rua, transformando cada performance em um happening único e inédito, influenciado e apresentado para todos que se deixam levar pelo som vibrante e energético do trio. Música de qualidade que invade a cidade reverberando as esquinas, chamando a todos para dançar e curtir.

Sábado • 15 de outubro de 2016
CAIO CORRÊA - 17H

13 anos de estrada, ex. integrante da banda Scracho, percorreu todas as capitais do país fazendo shows e tocando em diversos festivais.

Com a banda Scracho, gravou 3 CDs de estúdio, 1 DVD ao vivo (MTV) e teve 2 músicas na trilha sonora de Malhação.
Mais de 500 shows por todo Brasil incluindo transmissão ao vivo no show de 10 anos no canal BIS.
2008 - Indicação ao Prêmio Multishow.
2013 - Melhor banda Independete Prêmio Rock Show.
13.471.052 visualizações no total no Youtube.
A página da banda no facebook tem 426.763 seguidores.

Em 2015 a banda resolveu dar um tempo em suas atividades e, com a sua pausa, o Caio decidiu continuar na música e lançar um projeto contendo suas músicas autorais.

O Muiraquitã foi produzido entre junho de 2015 e junho de 2016, no estúdio pelo próprio caio em parceria com o produtor Pedro Carneiro e co- produzido por Willian Laje. com mixagem e masterização a cargo do produtor Chico Neves.

 
 
 
GENERAL GARRAFA - 18H30

Criada em 2012, na cidade de Niterói-RJ, por um grupo de amigos e músicos que se reuniam toda semana para andar de Harley e degustar cervejas artesanais, a General Garrafa vem se destacando no cenário Rock n’ Roll da Cidade.

Com um repertório formado pelo precioso Southern Rock e Clássicos do Rock n’ Roll que marcaram gerações, a banda traz o melhor de Elvis, Beatles, Rolling Stones, Creedence, Chuck Berry, Paul Anka, Roy Orbison, John Fogerty, Lynyrd Skynyrd, ZZ Top, entre outros... Garantia de muito alto astral, nostalgia e rock n’ roll! A Banda é formada pelo vocalista Aquiles Jr., os guitarristas Rafael Rangel, Gustavo Miguez e Cristiano Reis, o baixista Raphael Seabra, o tecladista Maurício Barros e o baterista Rodrigo Oliveira. Remanescentes de outras bandas bem conhecidas na cidade, juntos, encontraram uma fórmula bem interessante de saciar o desejo pessoal e ao mesmo tempo agradar o público... Coisa rara entre bandas!

Diferente viagem musical.

FACCÃO CAIPIRA - 20H

A tradição do blues sulista americano pega a estrada do rock rural brasileiro e do folk nordestino no eclético e contagiante "Homem Bom", álbum de estreia da Facção Carioca. Um dos nomes mais originais da cena musical carioca, a banda de Niterói coloca suas botas e chapéus e se prepara para conquistar o Brasil com seu Blues Brasileiro Foragido Americano.

Desde o primeiro acorde do disco, a faceta explosiva da banda vem à tona. Intenso e orgânico como as apresentações da Facção Caipira, “Homem Bom” é um registro da química entre o vocal rasgado e a guitarra de Jan Santoro, a inventiva gaita de Daniel Leon e a precisa e acelerada cozinha do baterista Renan Carriço e do baixista Vinícius Câmara.

O álbum marca também uma trajetória crescente da banda de Niterói, formada em 2009, e que em tão pouco tempo de estrada conseguiu grandes feitos. Inicialmente, a proposta era de ser uma banda de blues com um repertório formado de clássicos de Muddy Waters, Stevie Ray Vaughan e Johnny Winter.
Seu primeiro lançamento, um EP homônimo lançado em 2012, veio para firmar a identidade da Facção Caipira. O trabalho logo alcançou a marca de duas mil cópias vendidas e mais de 10 mil downloads. Em seguida, os shows realizados em várias partes do Brasil e a participação e prêmios em festivais de música levaram a apresentações contagiantes, registradas ao vivo no Teatro Municipal de Niterói e no Circo Voador, com ingressos esgotados. Ambos os shows estão disponíveis para serem assistidos online e já somam quase 200 mil visualizações.

Foi também em vídeo que a Facção Caipira chamou atenção do Brasil, no reality show “Mais Vinicius, Por Favor”, do canal por assinatura Multishow. O programa foi uma homenagem ao centenário do Poetinha, celebrado em 2014, e contou com a participação de Mahmundi, da banda Baleia e de outros nomes importantes do cenário independente brasileiro.
Posteriormente, a Facção foi selecionada para um novo time de peso: o do programa Superstar, da Rede Globo, disputando com bandas de todo o Brasil e sempre impressionando o público com a força de suas performances ao vivo, misturando o blues como um grito primal do rock. Marcando essa fase e a maturidade da banda no palco, o disco era necessário para apresentar ao público as múltiplas facetas da Facção Caipira, que bebe de fontes do passado e traz para o presente suas raízes country e blues mais acessíveis, com um toque do rock inglês, passando pelo Alabama e chegando ao Brasil em performances enérgicas.

O álbum foi produzido por Felipe Rodarte (Ava, Nervoso e os Calmantes, Lafayette e os Tremendões), na lendária Toca do Bandido (Maria Rita, O Rappa, Raimundos). A mixagem ficou por conta do americano Aaron Bastinelli, do Converse Rubber Tracks, que já trabalhou com outras bandas da cena carioca e nomes como Bono (U2), Marky Ramone (Ramones), Mark Foster (Foster The People), entre outros.

OVERDRIVE FOO FIGHTERS TRIBUTE - 21H30

A Overdrive surgiu do desejo de seus 5 integrantes de levar para os palcos diversas das excelentes composições da banda norte-americana de rock alternativo The Foo Fighters. O objetivo principal de divulgar os mais variados sons tocando covers, desde os mais antigos sucessos até as músicas do recente álbum da banda, o aclamado Sonic Highways de 2014.

O nome da banda vem da música Overdrive, sucesso do álbum One By One que os Foo Fighters lançaram em 2002. O grupo foi formado em Outubro de 2011 na cidade do Rio de Janeiro e tem como integrantes; André Maia, vocalista; Felipe Conde, guitarrista; Rafael Lichotti guitarra e backing vocal; Ricardo Paixão, baixista e Alexandre Costa na bateria.

A Overdrive traz o peso das guitarras, a batida marcante e o vocal agressivo inconfundíveis da banda de Dave Grohl que irão agradar desde os maiores fãs dos Foo Fighters até aqueles que desconhecem a banda, mas curtem um ótimo show de Rock ‘n Roll no estilo do Grunge e Hard Rock dos anos 90.

Domingo • 16 de outubro de 2016
JOÃOZITO E A PARCERIA - 17H
 

Balanço. Essa palavra é a síntese do som de “Joãozito e A Parceria”. Seja no samba-rock, na gafieira, na bossa nova, no afro-samba… O suingue é o fio condutor do repertório. Assim como João Bosco, Clara Nunes, Ary Barroso, entre outros, a banda é prova que Minas é um grande berço de samba. Essa rapaziada tem vasta carreira nacional e internacional. Músicos formados na UFMG, com experiência com artistas como: Gilberto Gil, Roberto Menescal, Carlos Lira, Ivan Lins, Bebel Gilberto, Leni Andrade, etc.. A banda está lançando o seu primeiro CD independente, com 13 composições próprias que já estão na boca do fiel público. O grupo está em pleno vapor na divulgação do seu samba e em breve lançará o DVD Ao Vivo.
 

OS DRUIDAS - 18H30
 

A banda Druidas tem sua origem nos corredores do Colégio Padre Antônio Vieira, onde Carlo Aquino (baixo) e Rodrigo Cardoso (vocal), atraídos pela paixão por rock clássico, se aproximaram e começaram a planejar a formação de uma banda. Carlo chamou seu amigo Gabriel Leite (bateria) para contribuir com esta mistura e, com a adição de Bernardo Ibeas (guitarra), em abril de 2011, surgiam os Druidas. O nome, que sugere uma ligação com a cultura celta antiga, é bem representado no palco em apresentações explosivas, onde a energia do som flui intensamente e promete contagiar quem se deixar levar. No caldeirão sonoro dos rapazes, quem dita o tom é o bom e velho rock and roll dos anos 70, mas não se surpreenda com as pitadas psicodélicas e os toques de blues que acompanham essa mistura, tudo num repertório que une músicas autorais e releituras de clássicos de todos os estilos, sem perder a pegada característica. A banda assinou recentemente com a gravadora Paravox, e promete lançar cada vez mais do seu material para continuar crescendo e aparecendo no cenário musical carioca e brasileiro.

 
THE HIGHJACK - 20H

Highjack abre uma nova perspectiva para a cena rock carioca: sonoridade e atitude com peso e sofisticação nada comuns por essas bandas.

Formada no início de 2014, no Rio de Janeiro, a banda traz um trabalho autoral forjado nas melhores referências setentistas que se somam às suas influências contemporâneas.

A banda faz performances com suas músicas do primeiro álbum, que será lançado nos próximos meses (Jun/Jul). Alguns singles acompanhados de clipes, já estão rolando nas redes sociais e outros serão disponibilizados até o lançamento do álbum.

As coisas têm acontecido rápido na vida desses rapazes desde o último ano, quando iniciaram os shows e conquistaram o primeiro lugar na décima edição do Ibeu Rock Festival, que contava com jurados como Fred Castro (Raimundos) e Guto Goffi (BarãoVermelho).

Entre mais de 300 bandas inscritas para o Rio Banda Fest, festival de peso do Rio de Janeiro, The Highjack ficou entre as 20 selecionadas para subirem aos palcos da cidade.

AC/DCOVER - 21H30

Cerveja, mulher e rock and roll. Ingredientes perfeitos para quem quer ter uma noite divertida e agitada, e de poder esquecer os problemas cotidianos. Para ligar a tomada com muita eletricidade e som de verdade, foi formado em julho de 2007 no Rio de Janeiro a banda AC/DCover. Os cinco músicos integrantes tem como objetivo em seus shows, apresentar ao público um tributo ao vocalista Bon Scott do AC/DC, falecido no início de 1980.

Dentre as músicas executadas estão os eternos sucessos da banda australiana como Highway To Hell, Jailbreak, High Voltage, T.N.T. , Whole Lotta Rosie, The Jack, Let There Be Rock, entre outras. No bis, clássicos da fase pós-Bon como Back In Black, Hells Bells, Thunderstruck e For Those About To Rock também são tocados no fim.

 
 


 *Programação sujeita a alteração sem aviso prévio.

USE AS TAGS #MONDIALDELABIÈRERIO E #MONDIALDELABIÈRERIOEUVOU E COMPARTILHE SEU AMOR POR CERVEJAS ARTESANAIS.

Informações, Dúvidas e SAC:
+55 21 2441-9100
Atendimento: 9h às 19h
Endereço:
Av. Salvador Allende, 6.555
Barra da Tijuca – 22783-127